quinta-feira, 12 de junho de 2014

Coração de mãe


Não ter você aqui é como se um vácuo se expandisse dentro de mim, trazendo junto a saudade que me preenche. O silêncio dos cômodos que não ecoam mais sua voz me traz a sensação de que cada canto desse lugar é um imenso deserto, pois a casa perde o valor sem o seu jeito empolgado. Carrego a lembrança de quando você chegava falando do quanto estava calor lá fora, do preço salgado dos produtos, até das suas reclamações e do caos com que costumava cozinhar eu sinto falta. Algumas peças das suas roupas ficaram, uma sapatilha sua que não serve em mim também, o cheiro do café tem outro gosto e a omelete já não tem o mesmo sabor porque o principal ingrediente era o prazer de compartilhá-la com você ao te acordar de madrugada oferecendo um pedaço. Uma metade era minha e a outra era sua, mas agora estou partida por não ter mais como dividir igual antes. Sei que o inevitável acontece cedo ou tarde, sei que o mundo soa uma chamada que não se pode ignorar, mas não tê-la mais por perto faz com que o meu caminho perca as cores dos fins de tarde, a intensidade da sua risada era o medidor da minha felicidade, quanto mais alta, mais feliz eu era. Meu consolo é saber que você tem outros cantos para enfeitar, recebo notícias suas e não consigo conter a satisfação em te ouvir contar como vai a acolhedora vida que leva hoje. Você se tornou mais uma dessas saudades que carrego, que se aconchegam no meu interior. Nunca me cansei de ouvir suas histórias pela milésima vez, mas quero pedir desculpas por todas as vezes que mal prestei atenção ao que você dizia por estar desligada do mundo. Aproveitei como pude, ainda que o meu peito doído diga que não foi suficiente. Naquele dia você olhava pra trás na nossa despedida e o meu sorriso ia se apagando com a sua ida, agora quero voltar a te ver abrindo o portão e soltando sua alegre voz. Te espero com imenso amor, mãe.

4 comentários:

  1. (Coração de mãe) quando li já não contive as lágrimas, espero que o destino a traga de volta, com seu sorriso e alegria nos pequenos detalhes.

    ResponderExcluir
  2. Grazi, Grazi, cadê você? Sumiu, você tá viva?

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  4. se importaria de me chamar no whatsapp? 8396139489

    ResponderExcluir